A TERRA É UM SÓ PAÍS

Bem aventurado é o lugar, a casa e o coração e bem aventurado o refúgio, a caverna ou o vale, a terra e o mar, o prado e a ilha, onde se haja feito menção de Deus e celebrado o Seu louvor. -----------------------Bahá'u'lláh ---------------------

quarta-feira, junho 08, 2005

A noite chega com todos os seus rebanhos.
Uma cidade amadurece nas vertendes do crepúsculo.
Há um iman que nos atrai para o interior da montanha.
Os navios deslizam nos estuários do vento.
Alguma coisa ascende de uma região negra.
Alguém escreve sobre os espelhos da sombra.
A passageira da noite vacila como um ser silencioso.
O último pássaro calou-se. As estrelas acenderam-se.
As ondas adormeceram com as cores e as imagens.
As portas subterrâneas têm perfumes silvestres.
Que sedosa e fluida é a água desta noite!
Dir-se-ia que as pedras entendem meus passos.
Alguém me habita como uma arvore ou um planeta.
Estou perto e estou longe do coração do mundo.


António Ramos Rosa
in A Rosa esquerda (1991)

2 Comentários:

  • Às 3:18 PM , Anonymous Ana disse...

    Gostei muito deste poema...

     
  • Às 6:24 PM , Anonymous Dad disse...

    Reste-nos a arte para retemperar as agruras de tudo o que vamos pressentindo no nosso dia a dia, neste mundo cruel que pisa os mais fracos e exalta os malandros!

    Hoje estou assim! De negro vestida, por dentro, e vermelha por fora!
    Bjitos

     

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial

 
Bem aventurado é o lugar,a casa e o coração e bem aventurada a cidade, o refúgio, a caverna e o vale, o prado e a ilha, onde se haja feito menção de Deus e celebrado o Seu louvor! - Bahá'u'lláh -